Ultimas Postagens

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sexta-feira, 27 de maio de 2016

3º decêndio de maio do FPM será creditado na próxima segunda-feira

 As prefeituras brasileiras recebem hoje, o repasse do 3º decêndio do mês de maio do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informa que o montante a ser transferido será de R$ 1.866.619.983,92, já descontada a retenção do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).
Se for considerada a retenção, isto é, incluindo o Fundeb, o montante é de R$ 2.333.274.979,90.  A CNM aponta crescimento de 4,54% em termos nominais quando o 3º decêndio de maio deste ano é comparado com o mesmo período de 2015. Esse levantamento foi feito sem considerar os efeitos da inflação.
Apesar disso, o cenário muda quando é considerado o valor real dos repasses e as consequências da inflação. Nessa situação, a CNM identifica queda de 3,63% na transferência. Com a divulgação desse último repasse, é possível perceber que o FPM no mês cresceu nominalmente 6,64% em relação a maio de 2015. Entretanto, quando é levado em conta a inflação, houve  queda de 1,69%.
Acumulado de 2016A CNM destaca que, no acumulado de 2016, o FPM soma nominalmente R$ 36,329 bilhões frente aos R$ 37,005 bilhões do mesmo período de 2015. Em termos nominais, o somatório dos repasses caiu 1,83%, o que caracteriza uma redução nos valores efetivamente repassados. O cenário de queda nominal dos repasses realizados ao fundo é extremamente preocupante. A Confederação ainda ressalta que se for considerado os efeitos danosos da inflação, o fundo acumulado em 2016 apresenta queda de 10,53%.
Diante dessas informações, a CNM reforça que a redução prejudica ainda mais as finanças municipais e deixa os gestores em uma difícil situação: com menos recursos para custear o aumento de obrigações impostas e o aumento de preços consequente da alta inflação. O repasse do 3° decêndio de maio superou as expectativas divulgadas pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN) em 8,51%. O crescimento não previsto pode ser consequência da arrecadação de recursos através da repatriação de divisas.
No entanto, apesar de os montantes do mês de maio terem sido superiores aos previstos pela STN, a CNM pede cautela aos gestores municipais em razão de que tradicionalmente os próximos meses costumam apresentar os menores repasses do ano. Nesse contexto, a entidade solicita aos gestores que mantenham atenção aos seus planejamentos financeiros, principalmente por se tratar de um ano de encerramento de mandato e de fechamento de contas de toda a gestão.
Confira aqui os valores do FPM por Estado e coeficiente.
Mais informações »

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Preso cedo da manhã o prefeito de Nova Colinas por corrupção



Foi preso na cidade de Balsas, onde estava escondido, o prefeito de Nova Colinas, no Sul do Maranhão. Ele vinha sendo investigado por corrupção pela SECCOR. O prefeito Elano Martins (foto abaixo) é acusado de fazer várias licitações forjadas no ramo de locação de máquinas pesadas para beneficiar a empresa MDF Ribeiro Dantas, pertencente a Maria de Fátima Ribeiro Dantas, mãe de Tiago Ribeiro Dantas, sócio  sócio de Elano Martins em escritório de advocacia.

O prefeito de Nova Colinas foi denunciado desde 2013 de reduzir o caráter competitivo das licitações para favorecer apenas uma empresa. Só a empresa da mãe de seu sócio ganhou dez processos licitatórios.
Mais informações »

Violência, dinheiro, drogas e funk! A verdadeira história do PCM e do Bonde dos 40 Ladrão.




Em comentário no facebook, logo quando começaram os boatos de ações criminosas em toda São Luís, que de fato, em maioria, não passaram de boatos, cheguei a duvidar da força das facções criminosas. Mas mudei de opinião.
Mantive um bate papo com familiares de pessoas ligadas, diretamente, às facções Bonde dos 40 e PCM (Primeiro Comando do Maranhão), que é uma extensão do PCC, de São Paulo, e pelo que entendi a situação e realmente bastante preocupante.
As duas fações, segundo fui informado, manteriam ligações com pessoas de certa influencia entre advogados e outros profissionais estratégicos na área da segurança. Muito bem pagos pelo dinheiro gerado pelo crime. Na política, tanto o PCM, quanto o Bonde dos 40 Ladrão (assim mesmo, no singular), teriam patrocinado alguns candidatos a vereador, na eleição do ano passado, mas não fui informado se algum eleito.

Além disso, as facções criminosas que se instalaram no Maranhão estão fortemente armadas. Armas de uso exclusivo das Forças Armadas Brasileira, supostamente, estariam à disposição dos criminosos. Foi o que o blog ouviu.
Uma informação, no entanto, deixou o titular deste blog, de fato, preocupado. As duas facções do crime estariam espalhadas, realmente, por todos os bairros de São Luís e em municípios vizinhos. O contingente criminoso, só em São Luís, superaria o numero de policiais. Informação difícil de ser confirmada.
Como isso começou no Maranhão?
Em 2006, ano dos ataques da facção PCC (Primeiro Comando da Capital) em São Paulo, aconteceu um aumento da repressão contra o crime no Estado e, consequentemente, à busca da facção criminosa por novas áreas de atuação, no caso, novos Estados.
Em entrevista à Folha, em outubro de 2012, o secretário de Segurança do Maranhão, Aluísio Mendes, explicou: “O vínculo aqui começou há quatro anos, quando presos maranhenses foram para presídios federais e tiveram contato com criminosos do PCC”.
 Segundo Aluísio Mendes informou na época, quando retornaram ao Estado, os presos “vieram com a ideia de fundar uma célula do PCC” e criaram o PCM (Primeiro Comando do Maranhão).
Como forma de atrair novos membros, o PCC oferece apoio jurídico e financeiro para parentes de presidiários ou faz ameaças violentas.
Bonde dos 40 Ladrão
O Bonde dos 40, pelo contrário, apesar da forte influencia organizacional inspirada em facções criminosas de outros Estados, se apresenta como uma vertente criminosa genuinamente Maranhense. “Nós é cria da Ilha”, afirmam seus integrantes.
O Bonde dos 40 Ladrão tem os PCM como inimigos invasores e os chama de “alemãos”.
Extremantes violentos e responsáveis por uma série de execução nos presídios e em locais públicos, O Bonde dos 40 Ladrões é conhecido pela brutalidade e a ostentação: dinheiro, roupas de grife, carros caros e músicas funk personalizadas. O Mc Segal, da Portelinha, que teve uma breve participação no programa Ídolos, parece ser o funkeiro predileto da facção criminosa. Várias composições do Mc, retratando o dia a dia do Bonde, podem ser facilmente encontradas no youtube.
Pelo que entendi, o caso das facções criminosas no Estado, não é um problema criado pelo Maranhão. É uma realidade Brasileira, que montou a banca no Maranhão, encontrou um bom mercado e não pretende abandonar os “negócios”.
Além do Bonde dos 40 e do PCM, a policia maranhense já registrou as ações de outras organizações criminosas como Anjos da Morte e Anjos do Mal.
 fonte:Udesfilho.com
Mais informações »

Maranhense mata vendedor ambulante na cidade de Parauapebas



Juvenal foi assassinado com dois tiros de arma de fogo, na manhã do dia 26 de março na vila palmares II, zona rural de Parauapebas, distante cerca de 22 quilômetros do centro da cidade, Elinaldo Santos foi preso mediante mandato de prisão preventiva, expedido pelo Juiz Líbio de Araújo Mora, titular da 1ª vara criminal de Parauapebas.
Alem do acusado, a equipe da delegada Yanna Azevedo, responsável pelo departamento de homicídios, apreendeu três adolescentes acusados de terem participação no crime.
Em depoimento, o acusado confessou para a delegada que matou a vitima para roubar porem, a policia acredita que Juvenal do Nascimento tenha sido vitima de crime por encomenda e não latrocínio como afirmou o acusado.
Em entrevista para a reportagem, a delegada Yanna Azevedo disse que as investigações irão continuar uma vez que os levantamentos apontam para crime por encomenda motivado por disputa de terras.
A vitima estava envolvida em disputa de terra e por isso fora morta. A policia acredita que Elinaldo Conceição esteja protegendo o mandante ressaltou a delegada.
Reportagem de Caetano Silva.
Mais informações »
© Blog do Zé 2016. Todos os direitos reservados.